contato |@| sobremusica.com.br

Bernardo Mortimer
bernardo |@| sobremusica.com.br

Bruno Maia
bruno |@| sobremusica.com.br

13.10.05

O melhor DVD já feito por um artista brasileiro

DVD é uma nova mídia. Sempre me pegava pensando se era o único interessado em música que tinha entendido isso. Mais do que me achar a frente de qualquer pensamento, isso me era motivo de grande angústia. Graças a Deus, descobri que não precisarei carregar este peso. Graças ao Gram.

Em uma conversa com Sérgio, vocalista da banda, no Abril Pro Rock desse ano, dividi essa minha angústia e ele, aquiescendo, me falou categoricamente: "Putz, você tem que ir pra São Paulo, em maio, assistir a gravação do nosso DVD... Vai ter exatamente isso que você tá falando, uns lances com umas projeções... Pra você ver, estamos fazendo mais cinco clipes que nem o do gatinho..." Foi quando eu perguntei: "Mas agora, pelo menos, você não precisa mais desenhar tudo a mão, né?". Veio o troco: "O que?!??! TUDO A MÃO!!"

Aquele papo teve que ser interrompido pelo horário. Ficou aquilo comigo, mas não levei muita fé. Dei mole. O DVD "MTV apresenta Gram" chegou na minha estante semana passada (no encarte lê-se que a gravação foi no dia 29 de ABRIL) . Assisti ontem, antes e depois de Brasil 3 x 0 Venezuela.

O primeiro DVD da banda paulistana traz uma nova compreensão do aproveitamento desta mídia. Há uma compreensão de que o DVD não é apenas um CD onde cabem imagens e, por conseqüência, se pode colocar uns extras vagabundos para ocupar o maior espaço oferecido ali do que nas bolachinhas tradicionais de áudio. Faltava alguém fazer isso: entender que o DVD era uma coisa nova, totalmente diferente do CD, que se parece com o CD apenas no fato de ser um compact-disc. Só.

O Gram entende a lição dos anos 90 e sabe que o trabalho de um artista, em tempos multimidias, vai além da composição de boas músicas. O conceito imagético se atrelou ao musical para compor um novo paradigma sobre o que seja ser arte pop. O pop é imagem. Não dá para se pensar música pop sem se pensar em imagem. Pense Andy Warhol, pense Christo and Jeanne-Claude, pense em Michael Jackson, pense em Jean-Michel Basquiat... Pop é um estágio da arte contemporânea, assim como foi o renascentismo, o cubismo, o surrealismo, cada qual com suas particularidades e idiossoncrasias. Uma das particulardidades do pop - e talvez a maior delas - é a imagem. O pop vai morrer, mas ainda está na flor da idade.

O cuidado de se construir uma identidade visual que o Gram mostrou desde o primeiro clipe (primoroso) da (linda) música "Você pode ir na janela", ainda como artistas independentes, já dava esse norte. O primeiro DVD da banda entende que o DVD é uma ferramenta a serviço da imagem e da construção de valores relacionados a ela. Para desenvolvê-lo de uma forma honesta, a banda sentou e produziu mais 5 clipes. Ao longo da performance ao vivo, eles são projetados num imenso telão atrás da banda. Como a banda está redonda e segura, a sensação que dá é que o clipe é conduzido pelas mãos dos músicos. As mudanças de clima do clipe coincidem com as mudanças da música, parece ser uma coisa só e é. Uma espécie de "The Wall" moderno, em menor escala, lógico. A banda entendeu que era preciso ser a dona da imagem, conduzi-la da sua forma e que isto só serviria para agregar valor à música.

No botão "Angle" do controle do DVD, o espectador pode escolher se assiste aquela faixa dentro do palco ou dentro do telão. Sem comprometer o andamento da música e com um simples toque no controle é possível se alterar totalmente o seu olhar sobre aquilo. Ao invés do multi-ângulo servir para enxergar a mesma coisa de outro ponto, passa a servir para transportar o espectador para outro lugar, para o universo pintado a mão pelos membros da banda, sob forma de animação. É possível escolher se se assiste o show ou o que está sendo projetado no telão. Essa interatividade permite que uma pessoa nunca assista exatamente a mesma coisa que outra, a não ser que se opte por um dos dois "ângulos" em tempo integral. A minha dica, porém, é ficar trocando. Ora o show, ora a animação. O espectador vira o comandante da mesa de corte, edita da sua forma e vê o que quiser, quantas vezes quiser, todas diferentes das anteriores.

Ainda é pouco, pois a banda ainda é pequena e não tem estrutura para correr atrás de mais. Em breve terá, e promete muita coisa boa e inteligente por vir.

O repertório do DVD não surpreende, é igual ao do show. A sensação que tive foi que no DVD, Sérgio está mais tempo no piano do que na guitarra, do que acontece no show 'real'. Pode ter sido impressão. As músicas são uma mistura perdida de Radiohead, com Beatles, Ivan Lins e Los Hermanos. Um Coldplay brasileiro, só que menos raso, mais inteligente. "Across the universe" e "Dias de luta" são as músicas não-próprias que dão as caras. A primeira vem bem parecida com a original, tirando que Sérgio não tem o agudo de Lennon. Sua voz é mais grave. A segunda, do Ira!, vem numa versão bem arrastada, conduzida pelo pianão e fica bonita também, encaixando no clima que o espetáculo tem.

No fim das contas, o melhor de tudo é saber que o DVD do Gram é um passo a frente da mesmice. Parabéns também para a MTV que se abriu a essa inovação de linguagem e ainda vai colher os louros por isso.



Cor: Colorido
Ano de Lançamento: 2005
Multi-Região
Legenda: Português, Inglês, Espanhol
Formatos de Tela: Widescreen
Faixas
1. Serenada 2. Sonho Bom 3. Vem Você 4. Toda Luz 5. Seu Troféu 6. Melhor Assim 7. Moonshine 8. Across the Universe 9. Faça Alguma Coisa 10. É a Vida 11. Quase Ilusão 12. Dias de Luta 13. Reinvento 14. Você Pode Ir na Janela
**********************
100 textos... É, sobremusica já tá um verdadeiro rapazinho.

5 Opine:

At 12:54, Anonymous Anônimo said...

Webby Awards accepting entries
The 10th Annual Webby Awards is now accepting entries. The 10th Annual Webby Awards marks the debut of three new blog categories - Business Blog, Political Blog, and Personal/Cultural Blog - and the first-ever ...
It's so cool to be here - elosu

 
At 12:56, Anonymous Anônimo said...

The iPod buzz factor
In unveiling the video iPod, Apple once again showed its ability to generate consumer buzz with a little help from some dramatic flair.
Real good blog, I feel like saving it! I have a debt counselling site/blog. It pretty much covers debt counselling and related stuff. Check out the self-help credit issues.

 
At 12:57, Anonymous Anônimo said...

A peculiar afterlife, courtesy of the Web
With Halloween around the corner, it's time to get a jump on Internet haunting. I'm not talking about ghosts posting on message boards or mysterious noises in your hard drive.
Find out how you can buy & sell anything, like things related to private road construction on interest free credit and pay back whenever you want! Exchange FREE ads on any topic, like private road construction!

 
At 12:59, Anonymous Anônimo said...

Hey, you have a great blog here! I'm definitely going to bookmark you!

I have a web hosting site/blog. It pretty much covers web hosting related stuff.

Come and check it out if you get time :-)

 
At 00:15, Anonymous Anônimo said...

Humphrey The Humping Dog
This has probably got to be seen in the flesh to be truly appreciated. OK, it may be in pretty bad taste and pretty immature, but this has to be one of the funniest things I've seen in ages.
Hello,

Even if I am not very good expresing myself in writing, I really like when someone is able to put in words simple and clear concepts the way you are doning it...

I'm working on a elearning program site. It is not easy to find good content for elearning program websites but I try to do my best...I also have a blog there

 

Postar um comentário

<< Home


Gram
One more time ?!?!
Música para (ouv)ir música - (Nokia Trends 2005)
especial: Caravana Maldita do Weezer
Vai vai vai vai ver
O tempo passa, o tempo voa...
Enquanto isso...
Moby no Rio (tá frio, tá não)
Lendo o Reverendo
Posso apostar que não vai me decepcionar

- Página Inicial

- SOBREMUSICA no Orkut



Envio de material


__________________________________

A reprodução não-comercial do conteúdo do SOBREMUSICA é permitida, desde que seja comunicada previamente.

. Site Meter ** Desde 12 de junho de 2005 **.