contato |@| sobremusica.com.br

Bernardo Mortimer
bernardo |@| sobremusica.com.br

Bruno Maia
bruno |@| sobremusica.com.br

21.10.06

Herculean, The Good The Bad and The Queen

Quem É Quem na Primeira Música da Super Banda


      A primeira impressão ao ouvir a primeira faixa da banda de formação estelar de Damon Albarn é essa mesmo. Trata-se da banda do ex-Blur e ex-Gorillaz (escrever ex é sempre um risco) Damon Albarn. Esqueça a história de Tony Allen – baterista integrante da Afrika 70 de Fela Kuti -, a de Paul Simonon – baixista prestes a estourar o instrumento na capa de London Calling. Quanto à de Simon Tong, do Verve, ela até que aparece um pouquinho.
      O clima é urbano, diferentes camadas quase estrangeiras entre si vão se somando para um resultado caótico, aos poucos explicado, na medida em que os ouvidos se acostumam. Cidade grande, sabe? O ritmo da bateria é muito quebrado, mas soa eletrônico. Não dá para ter certeza do que é Tony Allen mesmo, passa longe do “afro-beat” que aparece embaixo do nome da banda na página do myspace. Ainda assim agrada. É quando entra a voz, altamente filtrada, interessante mas desumanizada. Dá para lembrar um pouco de Gorillaz, embora na melancolia aqui não haja o deboche do desenho animado.
      Por influência do Verve, ou não, entram coros misteriosos que bem poderiam ser de um sintetizador. A linha melódica das vozes, que vai terminar a música, é grandiloquente, bem voltada para a verve (perdão) do brit pop espetaculoso da última década. Tem a ver com a letra, nada é gratuito.
      A não ser pela presença de Paul Simonon, a terceira cabeça genial do Clash, que não tem destaque nenhum, só marca compassos. Sem nem comportamento punk. Nada contra, só fica a conclusão: se nas próximas músicas for ficar só nisso, dava para botar qualquer outro. Porque ele?
      Enfim, no geral, é uma balada roqueira em espírito, mas com uma base de timbres de hip hop americano underground. Claro, Dangermouse. Menos suja e menos irônica que qualquer música do Gorillaz, mas quase lá.



Nada a ver

      Já viu o documentário do Franz Ferdinand no youtube, né? Eu também esperava outra onda.

3 Opine:

At 08:27, Blogger Onaicram said...

Pois é, sobre os ferdinandos, eu tb achei q o doc ficou parecendo filmagem caseira da minha viagem de férias. Meio decepcionado fiquei.

 
At 21:04, Blogger Bruno Maia said...

Que onda? Guero

heehhe

 
At 17:47, Blogger dedé aka homobono said...

no site da bbc tem um vídeo de 50 minutos com o the good, the bad and the queen que eu achei chato pra cacete. eles me decepionaram muito. melhor ver o do paul weller.

 

Postar um comentário

<< Home


Conversa com Nélson Meirelles (1)
O "Almanaque do viver bem"
A Mariana Ximenes e o Cidadão Instigado
Meu Last.fm
Crazy, Gnarls Barkley & Get Myself Into It, the Ra...
Mais uma vez
Nas Lojas Americanas (2) / Fino Coletivo
Nas Lojas Americanas (1)
Caetano Veloso - "Cê" (1)
Músico é artista :: artistas fazem arte (ou dinhei...

- Página Inicial

- SOBREMUSICA no Orkut



Envio de material


__________________________________

A reprodução não-comercial do conteúdo do SOBREMUSICA é permitida, desde que seja comunicada previamente.

. Site Meter ** Desde 12 de junho de 2005 **.